Campo Grande, Sexta-Feira , 19 de Janeiro - 2018


Email: marcoeusebio@marcoeusebio.com.br

Posts com a tag: direito

Convite desabafo de jovem bacharel que viralizou na internet e teve resposta do presidente da OAB-PE

Postado por Marco Eusébio , 18 Dezembro 2017 às 15:45 - em: Principal

"Passados seis fucking longos anos e acabou essa desgraça." O desabafo foi feito por um jovem bacharel de Direito de Pernambuco em convite para sua formatura que viralizou nas redes sociais nos últimos dias. No texto, o universitário critica o curso e cita a frase de "um filósofo" que ele afirma não se lembrar quem é: "não estudo para ser chamado de doutor, estudo para ser chamado de rico". Lamentando a escolha do rapaz, o presidente da OAB-PE, Ronnie Preuss Duarte, aconselhou: "Não siga a advocacia. Por tudo o que li, tenho a certeza de que nela você poderá até ficar rico, mas muito dificilmente conseguirá ser feliz!" Leia aqui no Migalhas jurídicas.




Leonardo Avelino Duarte e seu novo livro, que será lançado amanhã durante evento no plenário da OAB-MS

Postado por Marco Eusébio , 27 Setembro 2017 às 11:00 - em: Principal

"Autonomia Federativa: A Experiência Romano-Gótica de 382" é o novo livro de Leonardo Avelino Duarte, que o advogado e professor de Direito lançará nesta quinta-feira em Campo Grande. Promovido pela Academia Sul-mato-grossense de Direito Público, o evento acontece amanhã, a partir das 17 horas, no plenário da sede da OAB-MS, nos altos da Avenida Mato Grosso.




No Twitter, a advogada @JanainadoBrasil anunciou: 'Amados, acabo de ganhar em último o concurso'

Postado por Marco Eusébio , 16 Setembro 2017 às 12:00 - em: Principal

A advogada Janaína Paschoal, conhecida como autora do pedido de impeachment de Dilma Rousseff com os juristas Miguel Reale Júnior e Hélio Bicudo, foi a última colocada em um concurso que escolheu os dois novos professores titulares de direito penal da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. As vagas foram abertas com as aposentadorias do próprio Reale Júnior e de Vicente Greco Filho. 
  
Em sua coluna na Folha de S.Paulo, a jornalista Mônica Bergamo informa que Janaína concorreu com Alamiro Velludo e Ana Elisa Liberatore Bechara, que ficaram com as vagas, e Mariângela Gama de Magalhães Gomes. "Janaína, que defendia a tese 'Direito Penal e Religião - As Várias Interfaces de Dois Temas que Aparentam ser Estanques', teve notas entre 6.4 e 7.2. Alamiro, o primeiro colocado, teve notas entre 9.3 e 9.6. Ela segue como professora associada da universidade", diz a colunista.
 
No Twitter, Janaína parabenizou os vencedores do concurso e escreveu: "Amados, acabo de ganhar em último o concurso para titularidade na Faculdade de Direito". A advogada disse que, apesar da reprovação, não vai recorrer. "A banca estabelece seus critérios e é soberana”, afirmou. Embora não tenha sido aprovada entre os integrantes da banca, ela afirmou que pretende publicar um livro com sua tese e vai colocar o texto online à disposição dos internautas.