Campo Grande, Sábado , 20 de Janeiro - 2018


Email: marcoeusebio@marcoeusebio.com.br

Posts com a tag: direita-ms

Sessão da Câmara de Bela Vista, quando os vereadores aprovaram o projeto Escola Sem Partido

Postado por Marco Eusébio , 28 Novembro 2017 às 17:30 - em: Principal

Por seis votos a três, vereadores de Bela Vista aprovaram o projeto "Escola sem Partido" que prevê a afixação de cartazes com deveres do professor em salas de aula do município da fronteira de MS. Se for sancionada pelo prefeito Reinaldo Piti, será a primeira cidade a adotar a medida, pois em Campo Grande, projeto similar aprovado pela Câmara foi vetado pelo ex-prefeito Alcides Bernal (PP).
 
"O projeto confere cidadania aos estudantes ao apresentar os deveres do professor de forma clara e objetiva. Caso seja sancionado, combaterá a doutrinação ideológica e a ideologia de gênero nas escolas da rede municipal de ensino de Bela Vista", comemorou o arquiteto Pietro Decenzo, do grupo Direita MS, que coordena o projeto no estado.
 
Votaram a favor os vereadores Francisco (Ico) Battilani (autor da proposta), Dr. Dinho, Dr. Johnys, Diogo Murano, Gutierres e Ramão Paredes. Foram contra: Mortandela, Hemerson Buiú e Fabrizia Tinoco. Projetos semelhantes estão tramitando na Câmara de Campo Grande e na Assembleia Legislativa de MS, este válido para a rede estadual de ensino.



Cartaz do grupo Direita MS anuncia exibição do boneco gigante de Bolsonaro a Campo Grande neste sábado

Postado por Marco Eusébio , 24 Novembro 2017 às 18:30 - em: Principal

Sobre a nota "Direita MS exibirá boneco gigante de Bolsonaro em Campo Grande e Dourados" (leia aqui), o jornalista e nosso leitor Euclydes Bezerra, perguntou o motivo da palavra "opressão" na frase "12 metros de pura opressão" que aparece no cartaz acima divulgado pelo Direita MS. Indaguei ao coordenador do grupo, o arquiteto Pietro Decenzo, que respondeu: 
 
– "A palavra 'oprimir' teve o seu significado esvaziado pela esquerda. A direita brinca com isso, por exemplo: usar uma camiseta do Bolsonaro é 'opressão' na certa, sempre haverá a intolerância de um esquerdista que torcerá o nariz se sentindo 'oprimido'. Então a brincadeira é essa. Brincar com a intolerância e a retórica esvaziada dos que se dizem 'tolerantes'."



Direita MS anuncia exibição em Campo Grande do 'Bolsonarão' lançado no sábado anterior em Fortaleza

Postado por Marco Eusébio , 23 Novembro 2017 às 11:30 - em: Principal

Um boneco gigante no estilo "Pixuleco", representando Jair Bolsonaro será exibido em Campo Grande no próximo sábado, a partir das 10 horas, nos altos da Avenida Afonso Pena (em frente ao Parque das Nações Indígenas); e no domingo (26) será exibido em Dourados, também às 10h, no Parque Arnulpho Fioravanti (atrás do shopping). A promoção é do Direita MS, grupo coordenado pelo arquiteto Pietro Decenzo que apoia no estado a pré-candidatura de Bolsonaro à Presidência da República. As duas cidades sul-mato-grossenses serão as primeiras a receber a visita do boneco de doze metros de altura confeccionado pelo grupo Endireita Fortaleza, com apoio de organizações parceiras como a de MS, lançado no último sábado na capital do Ceará. 




Manifestantes com cartaz em frente à TV Morena pedindo aos motoristas que buzinassem na Avenida Zahran

Postado por Marco Eusébio , 15 Outubro 2017 às 21:00 - em: Principal

Munido de faixas e cartazes, o grupo Direita MS promoveu um "buzinaço" na Avenida Zahran, em frente à sede da TV Morena, afiliada da TV Globo em Campo Grande, contra o Fantástico e outros programas nesta noite de domingo. "Eles fizeram uma reportagem especial sobre o 'peladão do MAM' onde uma criança toca um homem nu. Colocaram vários 'especialistas' dizendo que era tudo normal. Além disso mostraram também uma família que pratica o 'poliamor'", disse ao Blog o Pietro Decenzo, coordenador do movimento, em referência ao Fantástico da semana anterior.

"O programa Encontros vem promovendo ideologia de gênero quase que diariamente, assim como as novelas da emissora, que também estão glamourizando o crime" acrescentou o arquiteto. Não houve reação ao protesto, mas um segurança retirou uma faixa que havia sido colocada na frente da emissora com os dizeres: "Ideologia de gênero, a gente vê por aqui". O grupo também está pregando boicote à revista Veja, que em matéria de capa desta semana também destaca a ideologia de gênero. "Não assinar nem comprar", diz Decenzo. Veja vídeo do protesto.




Apoiadores de Bolsonaro na praça de alimentação do Norte-Sul Plaza

Postado por Marco Eusébio , 22 Abril 2017 às 21:00 - em: Principal