Campo Grande, Domingo , 21 de Janeiro - 2018


Email: marcoeusebio@marcoeusebio.com.br

Posts com a tag: industria

Azambuja, acompanhado de Sérgio Longe, visita o ISI Biomassa inaugurado hoje no Senai de Três Lagoas

Postado por Marco Eusébio , 15 Dezembro 2017 às 19:15 - em: Principal

Três Lagoas ultrapassou Campo Grande e se consolidou como principal pólo industrial do estado, detendo agora o maior PIB Industrial de Mato Grosso do Sul. "O desempenho de Três Lagoas chegou a R$ 4,23 bilhões, o que equivale a 26% do PIB Industrial total do Estado, conforme divulgado pelo IBGE ontem", afirmou o presidente da Federação das Indústrias (Fiems) Sérgio Longe, hoje, na inauguração do Instituto Senai de Inovação em Biomassa em Três Lagoas, com participação do governador Reinaldo Azambuja.

Longen lembrou uma pesquisa da Fiems feita em 2008 projetava que em 2015 Três Lagoas assumiria o 1º lugar no PIB Industrial de MS. "Passados nove anos, o PIB oficial dos municípios do Estado confirmou a projeção", declarou. "A indústria é, de longe, o setor mais representativo no PIB de Três Lagoas, respondendo por 59% de toda riqueza gerada na cidade". O empresário acrescentou que um outro estudo da Fiems projetou que em 2020 o PIB industrial de Três Lagoas será o dobro do segundo colocado. "Provando que Campo Grande é a capital do Estado, mas Três Lagoas, mais do que nunca, se consolida como a capital da indústria", salientou.




Faturamento do setor industrial e demais indicadores recuaram em setembro, conforme dados da CNI

Postado por Marco Eusébio , 01 Novembro 2017 às 19:00 - em: Principal

O faturamento da indústria caiu 0,9% em setembro, comparando-se a agosto, na série livre de influências sazonais. É o segundo mês seguido de queda no indicador. No acumulado de janeiro a setembro deste ano, o faturamento está 2,9% abaixo do registrado no mesmo período em 2016. As informações são da pesquisa Indicadores Industriais divulgada hoje pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Todos os indicadores recuaram em setembro ante agosto, o que mostra dificuldade da indústria para mostrar uma trajetória sustentada de crescimento, destaca o documento. "O comportamento de oscilação dos indicadores comprova que a recessão ficou para trás, mas também mostra que o crescimento ainda não veio", diz o economista da CNI Marcelo Azevedo. Veja aqui a íntegra no site da CNI.




Além do setor automobilístico, o uso de robôs avança nos setores de alimentos e bebidas, eletroeletrônico e químico

Postado por Marco Eusébio , 14 Agosto 2017 às 11:00 - em: Principal

Com fábricas ociosas e demissões em meio à crise, a indústria automobilística está intensificando o processo de robotização. O processo avança também pelos setores de alimentos e bebidas, eletroeletrônico e químico. O Brasil instala hoje cerca de 1,5 mil robôs por mês. Grande parte dos robôs foi adquirida nos últimos quatro anos, quando a produção de veículos caiu 32% e o total de funcionários baixou 21%, perdendo 30 mil vagas. (Com Estadão)