Campo Grande, Sábado , 17 de Fevereiro - 2018


Email: marcoeusebio@marcoeusebio.com.br

Posts com a tag: cerveja

Propaganda da Rio Carioca depreciando a Itaipava foi proibida por decisão confirmada pelo TJ-SP

Postado por Marco Eusébio , 25 Janeiro 2018 às 16:00 - em: Principal

A Cervejaria Rio Carioca terá de pagar R$ 50 mil, por danos morais, à Cervejaria Petrópolis S/A, que fabrica a cerveja Itaipava por causa de propaganda com os dizeres: "Se não se comportar, Papai Noel vai trazer Itaipava". Além disso, terá de retirar o anúncio de suas redes sociais, de cartazes e vídeos. A decisão de primeira instância foi confirmada, por unanimidade, pela 1ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo. A Cerveja Rio Carioca alegou que atua em ramo diferente, de cervejas artesanais, e que ao se referir à marca da Petrópolis não teve intenção de denegri-la ou causar qualquer dano. Desembargador relator, Augusto Rezende, considerou que as empresas são do mesmo ramo e concorrentes, independentemente do tipo de cerveja que fabricam. "Evidente que a autora sofreu ataque à honra pela menção de sua marca de forma pejorativa, o que abalou sua imagem pública, mormente dada a magnitude do alcance de peças publicitárias divulgadas em redes sociais, o que deve ser levado em consideração para o arbitramento da indenização", afirmou. (Com Migalhas)




A venda da cerveja que já havia caído 5,5% em 2016 comparando-se ao ano anterior, segue em queda desde o início deste ano

Postado por Marco Eusébio , 26 Julho 2017 às 10:15 - em: Principal

Do Lauro Jardim em blog no O Globo:
 
"As vendas de cerveja no Brasil continuam apontando para baixo. De acordo com a Nielsen, o segundo trimestre registrou queda de 2,7% em comparação ao mesmo período do ano passado. Nos primeiros três meses do ano, as vendas foram 2,1% menores ante janeiro, fevereiro e março de 2016. Isso sem falar em 2016, que observou uma queda de 5,5% em comparação ao ano anterior."



Tomar duas canecas de cerveja pode diminuir as dores em 25% diz estudo da Universidade de Greenwich

Postado por Marco Eusébio , 23 Junho 2017 às 14:30 - em: Principal

Quem costuma alegar que bebe "para espantar as dores" agora pode ter uma explicação científica. Tomar duas canecas de cerveja (pouco mais de um litro) pode diminuir as dores em 25% e ser mais eficaz do que analgésicos como o paracetamol, revela pesquisa da Universidade de Greenwich, no Reino Unido, recém publicada no periódico científico Journal of Pain.  
 
Ao elevar o nível de álcool no sangue em aproximadamente 0,08%, o corpo reduz o limiar de intensidade da dor, constatou o estudo. Ainda não está claro se o álcool reduz a sensação de dor por afetar receptores do cérebro ou apenas por diminuir o nível de ansiedade, o que faz com que a dor não seja tão ruim. 
 
"O álcool pode ser comparado a drogas opioides, como a codeína, e seu efeito é ainda mais poderoso que o do paracetamol", disse o coordenador da pesquisa, Trevor Thompson, ao tabloide The Sun. Ele alerta, entretanto, sobre os prejuízos do álcool ao organismo. "Se pudermos desenvolver uma droga sem os prejudiciais efeitos colaterais [do álcool], então teremos algo potencialmente melhor do que existe atualmente", afirmou. (Com Veja.com)



Foto do cilindro usado na festa do ex-prefeito divulgada pelo MP do Paraná

Postado por Marco Eusébio , 05 Maio 2017 às 18:30 - em: Principal

José Claudio Pol, ex-prefeito de Luiziana, no vizinho Paraná, virou réu em ação movida pelo Ministério Público Estadual que o acusa de, quando estava no cargo, ter retirado o único cilindro de oxigênio da unidade de saúde do município e usar para tomar cerveja no reveillon de 2012 em uma festinha particular. "O Ministério Público do Paraná constatou que, na mesma noite em que o ex-prefeito e seus amigos e parentes usavam o cilindro para bebericar cerveja, uma paciente com quadro grave e que deveria ter o suporte para respirar morreu" conta o jornalista Humberto Dantas em blog no Estadão de S.Paulo. O MP paranaense divulgou a foto acima, retirada de rede social onde foi postada pela família de Pol. Mais duas pessoas que ajudaram o ex-prefeito a retirar o cilindro também responderão a processo. "Todos têm dez dias para se defender, por escrito". Leia aqui a íntegra no site do Estadão.