Campo Grande, Sábado , 16 de Dezembro - 2017


Email: marcoeusebio@marcoeusebio.com.br


Governo corre para aprovar logo a reforma da Previdência e evitar ano eleitoral

Luís Macedo/Agência Câmara Governo corre para aprovar logo a reforma da Previdência e evitar ano eleitoral
Governo precisa de pelo menos 308 votos nas duas votações na Câmara. Deputados aproveitam para barganhar

Postado por Marco Eusébio , 06 Dezembro 2017 às 16:00 - em: Principal

O governo de Michel Temer deve jogar pesado nesta semana para tentar aprovar a reforma da Previdência na Câmara ainda neste ano e evitar deixar a votação para 2018, ano de eleições em que vai pegar muito mal para deputados e senadores votar temas que desagradam o eleitorado.  Do outro lado da mesa, parlamentares aproveitam para pressionar o governo a abrir os cofres e engordar o orçamento do fundo eleitoral. O Planalto calcula que faltam 56 votos para a aprovação na Câmara. O plano de Temer, diz O Estado de S.Paulo , é obter esses apoios até o fim da semana para começar a discutir a proposta em plenário na segunda-feira. O governo precisa de pelo menos 308 votos em cada uma das duas votações. A base quer votar a proposta quando tiver cerca de 330 garantidos. “Hoje temos 252 a favor e 140 indecisos”, disse ao jornal o vice-líder do governo na Câmara, Darcísio Perondi.




Deixe seu comentário