Campo Grande, Sábado , 18 de Novembro - 2017


Email: marcoeusebio@marcoeusebio.com.br


Evo, o futebol e o 'nunca antes na história'

Reprodução Evo, o futebol e o 'nunca antes na história'
Site do jornal esportivo argentino Olé destaca a goleada do River Plate sobre os bolivianos indagando quem vaiparar o time portenho

Postado por Marco Eusébio , 22 Setembro 2017 às 09:00 - em: Papo de Arquibancada

Os argentinos, quem diria, vingaram os brasileiros. Elogiado por Evo por ser o primeiro clube boliviano a eliminar um time brasileiro no mata-mata da Libertadores (o Atlético Mineiro - depois de ter despachado o Palmeiras), e ganhar de 3 a 0 do River Plate na altitude (coisa que deveria ser banida da competição, faz tempo), o Jorge Wilstermann caiu, literalmente, na real. 
 
Ao repetir o mantra "pela primeira vez na história deste país", Evo confirmou que contar vantagem antes do tempo dificilmente dá certo. O time boliviano foi atropelado pelo River Plate por 8 a 0 na Argentina. E quem entrou para a história foi o argentino Ignácio Scocco, único a fazer com cinco gols em uma única partida na fase mata-mata da Libertadores.
 
Antes dele, só dois jogadores fizeram 5 gols em uma partida na competição, mas na fase de grupos: o uruguaio Alberto Spencer na vitória do Peñarol por 9 a 1 contra o Everest Guayaquil (Equador), em 1963; e o brasileiro Fernando Baiano, pelo Corinthians, na vitória por 8 a 2 contra o Cerro Porteño do Paraguai, na Libertadores de 1999.



Deixe seu comentário