Campo Grande, Sábado , 20 de Janeiro - 2018


Email: marcoeusebio@marcoeusebio.com.br


Correios tem telefones cortados em MS e sindicato acusa partidos políticos

Éber Benjamin/Sintect-MS Correios tem telefones cortados em MS e sindicato acusa partidos políticos
Telefones dos Correios em Campo Grande foram religados na quarta: sindicato acusa gestão política do PSD e PMDB

Postado por Marco Eusébio , 11 Dezembro 2017 às 09:00 - em: Principal

A Superintendência dos Correios em Mato Grosso do Sul ficou sem telefone por quase uma semana, religado na quarta-feira, e o "corte teria ocorrido por falta de pagamento" diz o Sindicato dos Trabalhadores nos Correios de MS (Sintect-MS) em nota enviada à imprensa na sexta-feira anterior. A presidente do sindicato, Elaine Regina Oliveira, atribui os problemas à gestão política da ECT, cujos cargos de chefia no estado estariam ocupados por indicados do PSD, ligados segundo ela ao prefeito de Campo Grande Marquinhos Trad, e do PMDB, por meio do deputado e futuro ministro Carlos Marun. "A interferência política na empresa, em nível local assim como em nível nacional, tem acarretado o sucateamento dos Correios e isso chega a parecer premeditado para justificar a privatização", afirma Elaine.




Deixe seu comentário